ALICE ADULTA TROCA WONDERLAND PELO IMPÉRIO

abr 6th, 2010 | Por | Categoria: Cinema

Nei Duclós Tim Burton projetou Alice in wonderland, seu mega sucesso deste início de ano, para a solução de um impasse: a menina que cresceu precisa revisitar suas fantasias para se jogar numa aventura maior, real e que esteja acima das representações da infância. É assim que ele mergulha no buraco de seu inconsciente para […]



LOKI: UMA HISTÓRIA DE AMOR

mar 21st, 2010 | Por | Categoria: Cinema

Nei Duclós As palavras rodeiam Arnaldo Batista, o gênio musical de Os Mutantes reconhecido tardiamente pelos ingleses e, de tabela, pelo Brasil (que o havia esquecido), mas jamais conseguem alcançá-lo: rock, psicodelia, pop, música brasileira. No documentário Loki, de Paulo Henrique Fontenelli para o Canal Brasil, até bossa nova girou ao redor da luz que […]



INJUSTIÇA E VINGANÇA: SIMONAL, UMA TRAGÉDIA BRASILEIRA

mar 21st, 2010 | Por | Categoria: Cinema

Nei Duclós Vi o documentário Simonal – Ninguém Sabe o Duro que Dei, de Claudio Manoel, Micael Langer e Calvito Leal. Trata do sentimento de injustiça e sua conseqüência nefasta, a vingança. Sem ser vingativo, o filme tenta reparar a injustiça sofrida por Simonal, acusado de ser informante dos órgãos de repressão na época da […]



PRECIOUS, A BARRA E O SONHO: ONDE ESTÁ O CINEMA?

mar 21st, 2010 | Por | Categoria: Cinema

Nei Duclós O cinema está na confissão da mãe de Precious, a jovem obesa, grávida do pai pela segunda vez, analfabeta, soropositiva? Ou nas cenas de delírio de sucesso de uma vida alternativa sonhada por Precious, onde o professor e o enfermeiro participam como príncipes encantados de uma biografia totalmente voltada para o espetáculo? A […]



WOODY ALLEN: E NO ENTANTO, FUNCIONA!

mar 21st, 2010 | Por | Categoria: Cinema

Nei Duclós Whatever works (2009), de Woody Allen, pode significar “Funciona, apesar de tudo”, ou, como foi traduzido, “Tudo pode dar certo” (tudo no sentido de qualquer coisa). Misteriosamente, contra todas as evidências, isso acaba acontecendo. Desde que haja uma carga de ingenuidade, um pacto entre a escassez e desigualdade de protagonistas, coadjuvantes e o […]



CORRUPÇÃO E RUPTURA EM “SALVE GERAL”

mar 21st, 2010 | Por | Categoria: Cinema

Nei Duclós A criminalização no Brasil atinge todas as classes sociais, o que elimina a ilusão de uma classe média fora desse circuito, vista como a base de um pretenso convívio harmônico. Essa situação é fruto da quebra de paradigmas na economia ( empresas falidas em massa pela crise) nas instituições (judiciário e polícia se […]



ABRAÇOS PARTIDOS: A GRANDE ARTE DE ALMODÓVAR

mar 21st, 2010 | Por | Categoria: Cinema

Nei Duclós O cinema foi destruído, feito aos pedaços. Seus restos jazem na amargura da memória, mutilada pela dor e o esquecimento. Precisa ser reconstituído, mesmo tardiamente e às cegas. As pistas são as fotos rasgadas numa cesta, os negativos escondidos num armário, um making of rodado à revelia do diretor, um roteiro esboçado por […]



CLARO/ESCURO: O ESPORTE DESARMA O CONFLITO

mar 21st, 2010 | Por | Categoria: Cinema

Nei Duclós The Blind Side, de John Lee Hancock, Oscar de melhor atriz para Sandra Bullock, e Invictus, mais uma obra clássica de Clint Eastwood, ambos de 2009, são dois filmes sobre relações raciais e esporte, no caso o chamado futebol americano e rugby, respectivamente, duas modalidades irmãs, mas não idênticas. As diferenças entre os […]



CAMPANELLA: TRÊS VIAGENS NUM CARROSSEL

mar 11th, 2010 | Por | Categoria: Cinema

Nei Duclós O segredo dos seus olhos, melhor filme estrangeiro no Oscar 2010, de Juan Jose Campanella, é a composição de uma peça clássica em três movimentos. É um filme de amor dentro dos parâmetros conhecidos, ou seja, um casal próximo demais que não consegue se tocar durante o filme todo e só encontra uma […]



CAMERON E BIGELOW: CÓDIGOS DA DOR, A BOMBA LACRADA

mar 11th, 2010 | Por | Categoria: Cinema

Nei Duclós O Oscar 2010 terminou com a vitória de Kathryn Bigelow, diretora de The Hurt Locker, que tinha sido desprezado, lançado direto nas locadoras e tardiamente incluído no circuito dos cinemas, de onde pulou para a seleção e a dupla vitória (filme e direção). Seu ex-marido, James Cameron, diretor de Avatar, grande promessa da […]