Continued from:


105.   Berkeley.

Depois
de Locke o problema cai integralmente nas mãos do grande filósofo inglês
Berkeley. Berkeley introduz no pensamento filosófico de Locke uma modificação
de importância capital, levando assim, com plena conseqüência, a outros
resultados mais profundos, o problema da análise psicológica. O psicologismo
de Locke (que é ainda relativamente tímido, porque está limitado e contido pela
metafísica cartesiana, que lhe serve de base) é conduzido por Berkeley a extremos
que rompem já por completo os moldes da metafísica cartesiana. O psicologismo
de Locke tinha respeitado a substância de Descartes na sua forma de substância
pensante, substância extensa e Deus. Pelo contrário, Berkeley ataca diretamente
esse conceito de substância extensa, de matéria. A distinção feita por Locke
entre qualidades secundárias e qualidades primárias leva-o a negar
objetividade às qualidades secundárias, mas a seguir concedendo plena
existência em si e por si aos corpos materiais, como substância extensa. Pois
bem: Berkeley não compreende (e tem razão) como e por que privilegia Locke
essas qualidades primárias e a seu caráter de puras vivências do eu lhes
acrescenta ainda o de ser reproduções fiéis de uma realidade existente em si e
por si, fora do eu. Não o compreende Berkeley, nem eu o compreendo. Não tem
fundamento, porque se o sabor e a côr são vivências e como puras vivências não
têm outra realidade que a de ser vivências, "minhas" vivências, do
mesmo modo a extensão, a forma, o número, o movimento, são também vivências, exatamente
o mesmo, iguais vivências; e como tais vivências não há nelas nenhuma nota que
nos permita transcender delas como vivências para afirmar a existência
metafísica em si e por si das qualidades que elas indicam. Conseqüente com o
psicologismo, Berkeley descobre em todas as chamadas idéias o mesmo caráter
vivencial; e como todas elas são vivências, nenhuma delas me pode tirar de mim
mesmo e trasladar-me a uma região de existências metafísicas em si e por si.

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.