jul 301997
 


arte-grecia-antiga-5

Epicuro
 
 
Epicuro (341 – 270 a. C) filósofo grego nascido em Samos

foi favorável ao , doutrina desenvolvida originalmente por e , que o influenciou quando começou a filosofar, aos catorze anos. Sua família era nobre, mas ficou pobre. Seu pai foi um dos colonos que foram de Atenas para Samos. Quando criança acompanhava a mãe no trabalho em casas de pobres, e assim conheceu as crenças populares. Não sofreu muita influência dos filósofos que o precederam, pois não se dispôs a estudá-los. Em 325 a. C vai para Atenas onde comprou um jardim estabeleceu sua escola. Os epicuristas, alunos desta escola filosófica podiam ser homens ou mulheres, eram unidos entre si e com os professores. Atenas atravessava uma época difícil, mas ele lá permaneceu. Existe um busto que nos dá a descrição de Epicuro: a cabeça é forte, o nariz acentuado, os lábios espessos, a expressão calma e benevolente. Tinha muitos discípulos e amigos. O ponto básico de sua doutrina é que o bem é o prazer, e acusam os epicuristas de terem se entregue aos excessos dos festins, mas Epicuro comia muito pouco nas suas refeições diárias. Os eram atraídos pelo programa da sua escola : "aqui vocês encontrarão-se bem, aqui reside o prazer. Os epicuristas tinham os estóicos como adversários. Epicuro foi um dos grandes escritores da Antigüidade, compôs mais de trezentos tratados. Não era muito científico, e suas conclusões são passíveis de críticas. Escreveu um tratado, Da Natureza, em trinta e sete livros, no qual delineia a teoria atomística, os átomos são a explicação final das coisas, pontos últimos de deslocando no vazio, nada existe a não ser isso, a alma é formada de átomos materiais, tudo acontece devido a interação mecânica entre eles. O universo é corpo e espaço. Deve-se argumentar com aquilo que não é evidente aos sentidos. Sempre existiu alguma coisa e os átomos tem variadas formas . Enquanto o prazer é o soberano bem, a dor é o soberano mal. É uma moral hedonista, e tem que se eliminar toda a dor. A ataraxia (que é um estado da alma em que nada consegue perturbá-la, ela fica impassível. Chega-se a ela atendendo os desejos naturais e ignorando os desejos supérfluos, o sábio feliz contenta-se com o estritamente necessário. É o prazer estável que garante a . Devemos filosofar em atos. Todo o incômodo desejo se dissolve no amor a filosofia. E o sábio não tema a morte, pois quando se vive ela não existem não a sentimos e quando chega a morte, se deixa de ser.

Para Epicuro, o essencial para a felicidade é a nossa condição íntima. O desejo precisa ser controlado, para que a serenidade nos ajude a suportar a dor. A vida se torna agradável com o sábio raciocínio, que investiga a causa. A justiça não existe em si. Outra coisa interessante é o seu conselho para vivermos em reclusão, ignorados.

Por ser um defensor do prazer, quiseram fazer de Epicuro e os Epicuristas defensores da volúpia, mas o próprio fala contra isso, o prazer não é sensual.

Karl escreveu uma tese sobre Demócrito e Epicuro. em alguns trechos comenta o epicurismo e o estoicismo, especialmente na Gaia Ciência.











 Palavras-Chave

epicuro epicuro vida epicuro frases epicuro biografia epicuro e a felicidade epicuro principais escritos epicuro de samos epicuro obras epicuro filosofo epicuro resumoepicuro a alegria epicuro amizade epicuro a vida epicuro a vida dele epicuro ataraxia epicuro alegria epicuro amor epicuro a felicidade epicuro biografia epicuro bibliografia epicuro brasil escola epicuro bem e mal epicuro carta sobre a felicidade epicuro conclusão epicuro carta a meneceu epicuro carta epicuro carta sobre a felicidade download epicuro curiosidades epicuro cartas sobre a felicidade epicuro citações epicuro carta a felicidade epicuro carta sobre a felicidade pdf epicuro de samos epicuro deus epicuro de samos biografia epicuro de samos frases epicuro download epicuro determinismo epicuro desejos epicuro dor epicuro dor e prazer epicuro de samos resumo epicuro e a felicidade epicuro escritos epicuro etica epicuro e a morte epicuro e a ética epicuro e felicidade epicuro e suas obras epicuro e o prazer epicuro e sua filosofia epicuro e zenão epicuro frases epicuro filosofo epicuro felicidade epicuro filosofia epicuro frase epicuro filósofo epicuro frases morte epicuro frases e pensamentos epicuro felicidade ataraxia epicuro filosofo grego epicuro epicuro ideias epicuro influenciou quem epicuro introdução epicuro jardim epicuro liberdade epicuro livros epicuro livro epicuro morte epicuro molho epicuro moral epicuro medo da morte epicuro nero d’avola epicuro nero d’avola sicilia epicuro nero d’avola 2008 epicuro obras epicuro obra epicuro o jardim epicuro o que ele pensou sobre ética epicuro o filosofo do jardim epicuro o que ele pensou sobre politica epicuro o filosofo da alegria epicuro o filosofo epicuro principais ideias epicuro principais escritos epicuro principais obras epicuro prazer epicuro pensamentos epicuro prazer e dor epicuro pensador epicuro politica epicuro principais idéias epicuro prazer moderado epicurus quotes epicuro quando e onde viveu epicuro quem foi epicuro resumo epicuro realidade epicuro resumo da vida epicuro se inspirou em quem epicuro sua pesquisa epicuro se inspirou em quem e influenciou quem epicuro significado epicuro samos epicuro sobre a morte epicuro se deus epicuro suas principais ideias epicuro sobre o bem e o mal epicuro seus pensamentos epicuro teoria do conhecimento epicuro textos epicuro tetrafarmaco epicuro uol epicuro vida epicuro vida e obra epicuro video epicuro virtude epicuro vida e principais ideias epicuro vida e principais ideias e principais escritos epicuro vida e obras epicuro vida e morte epicuro wikipedia epicuro wiki epicuro youtube

Comentários

Mais textos

Miguel Duclós

Profile photo of Miguel DuclósWebadmin do Consciência, formado em filosofia pela USP, aficionado eterno de internet.

  31 Comentários para “Epicuro – Hedonismo”

  1. […] CONSCIENCIA. Epicuro – Hedonismo. http://www.consciencia.org/epicuro.shtml EDUCACAO. Epicuro. http://educacao.uol.com.br/biografias/epicuro.jhtm MUNDO DOS FILOSOFOS. O […]

  2. Paulo Sergio Ferreira · Universidade Federal de Uberlândia

    Epicurista é quem se dedica ao verdadeiro prazer de forma saudável, consciente e evolutiva. Nada que frustre depois ou faça se arrepender por um gasto sem penhor.

  3. Epicuro um grande filosofo, que movido pela dor que o afligia durante a sua vida e que na época não havia cura – Calculos Renais- e com isso buscava o prazer da vida nos momentos de crise em uma bacia com agua morna e que aliviava muito as tensões psiquicas e assim fundou a maior escola filosofica “O Jardim” para aqueles que buscasse o verdeiro prazer das coisas da natureza, ao meu mestre e professor e doutor em filosofia Marcelo Rocha a minha eterna gratidão.

  4. oi tudo bem *-*

  5. goste pois a histiria dele é interesante

  6. Salve Epicuro e todos epicuristas!!!… E só.

  7. Mim interessei bastante pela história de Epicuro.Mim sinto honrada em toda vez que a professora pede para eu e as minha amigas Juliana e Manoela para fazer trabalhos sobre ele…Adoro estudar filosofia….

  8. http://lh4.ggpht.com/mendes1961/SNUNHPYO70I/AAAAAAAAJxQ/W5IsAYPk3kg/s800/b31465636b154dd637a9957mu6.jpg
    Amar é colocar o coração em tudo
    O que fazemos:
    Nos olhos, nas nossas ações.
    É ver o outro
    Diferente mesmo se ele é
    Igual a todo mundo;
    É vê-lo especial se ele é
    Diferente.
    Amar é acreditar quando todos
    Duvidam.
    É ouvir a voz do coração
    Quando nenhuma
    Outra pessoa consegue escutar.
    Amar é, finalmente,
    Dar livre-arbítrio ao próprio coração.
    Há Jesus te ama muito e nós também

  9. […] Epicuro: Epicuro (341 – 270 a. C) filósofo grego nascido em Samos.  Veja mais aqui. […]

  10. […] escolas que dominaram a Grécia depois do helenismo de Alexandre, o Grande, ou seja, os estóicos e epicuristas. Paulo de Tarso viajou pelo Ocidente em uma trajetória cheia de peripécias, enfrentando, por […]

  11. Gostaria de receber por email um bom material sobre ciências politicasficarei muito grato se for possivel que me concedam tal gentileza ,pois estou começando uma pos graduação nesta area obrigado pelas informações ao lado deste texto no ícone temas

  12. Saudações.
    Veja-se bem para Epicuro os prazeres da carne são fundamentais desde que escolhidos com um calculo, ou seja, para o filósofo do jardim é fundamental, e isso sem duvida alguma, que se obtenha a ataraxia (ausência de pertubações na alma), mas é também fundamental que se viva com beleza e prazer carnal, desde que escolhidos sabiamente, pois “para nós alguns prazeres são causa de dores maiores e algumas dores se suportadas por um longo período podem levar a prazeres maiores”. De tudo o que fora dito não se pode de modo algum cometer a esse respeito um equivoco tal grande quanto vemos muitos cometerem. Epicuro é um filósofo hedonista em seu sentido pleno, mas se diferencia dos demais hedonistas por introduzir um calculo na escolha dos prazeres.
    Obrigado.
    Thiago.

  13. […] com naturalidade (para o desespero da minha mãe). Uma coisa inata sabe? Provavelmente deixaria Epicuro […]

  14. Como prof de filosofia, achei muito bom o jeito das esplicações!
    Vou usar este texto nas minhas aulas!!!

    Meus parabéns!!!!

    Ass:Lana da Silva

  15. Gostei muito desse site,foi o melhor que eu pesquisei até agora,muito obrigado

  16. Muito Maravilhoso este filósofo,pois admiro muito esta escola e digo com franqueza que realmente a alma está em prazer impertubável quando está em ataraxia.Pode-se sentir prazer de dentro para fora, longe de prazers carnais que são estritamente passageiros…

  17. bom otimo na minha opinião sem duvida nenhuma eu gotei pois pra mim epicuro é um dos meiores filosofos do mundo .>>>>>

  18. gostaria de obter info sobre todos os filosofos e atuais mudanças

    aguardo

  19. Prezado Raul, obrigado pela mensagem. Reconhecendo a deficiência do presente texto, estou no momento traduzindo o capítulo Epicuro da História da Filosofia do filósofo Bréhier, na Oficina de Traduções do Site. Dentro de algum tempo teremos então mais material sobre este importante filósofo, Epicuro. Abraços

  20. Louvo o esforço e reconheço autilidade acadêmica do presente texto. Todavia ainda que me pareça texto propedêutico penso que poderia estar mais consistente e melhor distribuido, talvez: breve biobrafia, principais idéias, histórico etc, etc, etc…

  21. Texto curto demais para filósofo de tal estirpe.

  22. leticia m.f.
    30 Abr 2006, 17:47
    “os verdadeiros sabios nao sao aqueles que fazem algo e sao esquecidos,mas sim aqueles que sao reconhecidos ate mesmo depois de milhoes de seculos”
    Milhões de séculos é foda!É foda!

  23. ta ai a unica

  24. os verdadeiros sabios nao sao aqueles que fazem algo e sao esquecidos,mas sim aqueles que sao reconhecidos ate mesmo depois de milhoes de seculos

  25. Adorei esta página, me informou muito e me ajudou no meu trabalho de Filosofia. Este site é maravilhoso! Obrigada!

  26. Para começo, não está mal.

  27. Olá, é para tí refletir…

  28. estude pra valer!

  29. LEGAL

  30. FYI

  31. Epicuro às suas ordens…

Add Comment Register



 Deixe um comentário

(required)

(required)

Você pode usar estas tags e atributosHTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>