As teorias da significação segundo Alsting e a crítica de Hacking

As teorias da significação segundo Alston e a crítica de Hacking.                                                                             por Miguel Duclós Trabalho feito originalmente para a cadeira de Filosofia da Linguagem, professor Armando Manoel de Mora.          A semântica é a parte da linguística que trata da relação entre os signos e o real, e do estudo histórico do … Ler maisAs teorias da significação segundo Alsting e a crítica de Hacking

Nota sobre o conceito de mimesis e katharsis na Poética de Aristóteles

maravilhas das antigas civizações

Download do eBook “A Poética” de Aristóteles (completo) Sobre o conceito de mimesis e katharsis na Poética de Aristóteles por Miguel Duclós A primeira dificuldade encontrada no estudo da Poética de Aristóteles é seu caráter esotérico. O texto é esotérico, e foi feito para o uso interno de Aristóteles ao ministrar seus cursos no Liceu. … Ler maisNota sobre o conceito de mimesis e katharsis na Poética de Aristóteles

O libelo de Rousseau contra o teatro

Jean-Jacques Rousseau

O LIBELO DE ROUSSEAU CONTRA O TEATRO Por    Miguel Duclós                        Trabalho originalmente apresentado para o curso do professor Franklin Matos – FFLCH -USP     No século das luzes, o teatro estava muito difundido na França. Obras-primas de mestres recentes, como Moliére e Racine, davam impulso à propagação dos espetáculos em todas as classes sociais. … Ler maisO libelo de Rousseau contra o teatro

Sentido e Referência dos nomes próprios e das sentenças declarativas: uma proposta de Gottlob Frege

Sentido e Referência dos nomes próprios e das sentenças declarativas: uma proposta de Gottlob Frege Alexandre Fernandes B. Costa Leite 1. Introdução         O objetivo do presente texto é tentar mostrar o que Frege (1848-1925) entende por sentido e referência dos nomes próprios e das sentenças assertivas completas, isto é, das sentenças declarativas 1. Tal tentativa … Ler maisSentido e Referência dos nomes próprios e das sentenças declarativas: uma proposta de Gottlob Frege

A Maturação do pensamento de Marx

A Maturação do pensamento de Marx Trabalho originalmente apresentado para a cadeira de Filosofia Geral – FFLCH-USP . por Miguel Duclós         Este trabalho trata de um período histórico-filosófico grande. Abordo aqui desde algumas leituras marcantes para o Jovem Marx até o primeiro capítulo da obra prima deste, O Capital, livro que é fruto uma … Ler maisA Maturação do pensamento de Marx

A psicogênese dos conhecimentos físicos e o problema da causalidade

A PSICOGÊNESE DOS CONHECIMENTOS FÍSICOS E O PROBLEMA DA CAUSALIDADE por June Müller  Originalmente apresentado para a cadeira de Tópicos Especiais em Teoria do Conhecimento na Universidade de Brasília     Introdução Piaget inicia o capítulo Réalité et causalité 1 com a observação de que o pensamento matemático consiste, em essência, em coordenar as ações … Ler maisA psicogênese dos conhecimentos físicos e o problema da causalidade

As meditações cartesianas e o nascimento da subjetividade moderna

maravilhas das antigas civizações

As meditações cartesianas e o nascimento da subjetividade moderna por Miguel Duclós Baseado nas anotações de aula da professora Marilena Chaui     Esse texto procura analisar o modo como Descartes formulou o problema da dúvida hiperbólica na primeira meditação e provou como a alma é mais fácil de conhecer do que o corpo, dando início … Ler maisAs meditações cartesianas e o nascimento da subjetividade moderna

Thomas More e Maquiavel – Teoria social e política no Renascimento”

maravilhas das antigas civizações

Esse breve resumo, tão breve que chega
a ser um crime de lesa-história, tem como objetivo contextualizar
o aparecimento da tradição humanista, a qual pertencem os
dois autores que vamos examinar: Thomas More e Maquiavel. Os humanistas
passam a questionar o teocentrismo, até então predominante.
Acreditavam que o homem devia ser o centro das investigações
filosóficas por ser ele o único ser capaz de conhecer. Os
humanistas achavam que no período que compreende a Idade Média,
acontecera um retrocesso, porque a humanidade se separara do modelo antigo.
Propõe então, a volta ao modelo clássico (grego e
latino), uma antropocentrização da arte e das ciências.
Com os aparatos tecnológicos que surgiram na época de nossos
autores, (tais como e bússola e a pólvora) a antiga visão
do mundo já não atendia mais às exigências,
a religião em decadência precisava ser repensada. O mundo
acordava de seu sono. O homem clamava pelo domínio sobre a natureza.

Kant e Hume nos limites da razão

maravilhas das antigas civizações

  Hume e Kant nos limites da razão              Por Miguel Duclós Trabalho originalmente feito para a cadeira de Introdução à  filosofia I, da FFLCH da USP, corrigido por Márcio Suzuki   1-Introdução             Esse trabalho tem o objetivo de mostrar como as questões que Hume levanta em suas investigações, como o problema da causalidade … Ler maisKant e Hume nos limites da razão

Auto-referência do conceito e solilóquio da filosofia

Auto-referência do Conceito e Solilóquio da Filosofia Alexandre Fernandes B. Costa Leite 1 1. Introdução         O atual artigo carrega em si o ímpeto de delinear as linhas que efetuam o labor realizado por dois pensadores franceses contemporâneos, Gilles Deleuze e Félix Guattari, e mostrar em sentido geral a concepção que têm da filosofia. A primeira … Ler maisAuto-referência do conceito e solilóquio da filosofia

A morte de deus e a morte do homem no pensamento de Nietzsche e de Michel Foucault

  A MORTE DE DEUS E A MORTE DO HOMEM NO PENSAMENTO DE NIETZSCHE E DE MICHEL FOUCAULT JOSÉ GUILHERME DANTAS LUCARINY Dissertação apresentada ao Programa de Pós-graduação em Filosofia da Universidade do Estado do Rio de Janeiro, para obtenção do título de Mestre em Filosofia. Orientadora: Professora Vera Portocarrero Rio de Janeiro Julho de … Ler maisA morte de deus e a morte do homem no pensamento de Nietzsche e de Michel Foucault

Comentário acerca da Estética Transcendental de Immanuel Kant

maravilhas das antigas civizações

Comentários acerca da “Estética Transcendental” de Immanuel Kant (1724-1808) Alexandre Fernandes Batista Costa Leite     1. Introdução                     Devido a enorme influência de Kant na composição do pensamento filosófico, optei por fazer o trabalho no âmbito de sua Crítica da Razão Pura (CrP-1787-B); poderíamos dizer que esta influencia, ou mesmo, marca o nascimento da … Ler maisComentário acerca da Estética Transcendental de Immanuel Kant

Comentários acerca de Os Princípios de Filosofia ditos A Monadologia de Leibniz

maravilhas das antigas civizações

Comentários acerca de ” Os Princípios de Filosofia ditos A Monadologia” de G.W Leibniz Alexandre Costa Leite A) Introdução O presente texto tem como objetivo expor os principais conceitos( ou idéias) e princípios que circulam no livro ” A Monadologia” de Leibniz. Para realizar esse intento começarei com o objeto mais simples até chegar, gradativamente, … Ler maisComentários acerca de Os Princípios de Filosofia ditos A Monadologia de Leibniz